29 de out de 2014

Jardim de infância Lição 05- Não pegue o que não é seu!

Jardim de infância
Lição 05- Não pegue o que não é seu!

Texto bíblico : Lucas 19. 1-10

Objetivos:

 Que a criança aprenda que nãodeve pegar nada que é dos outros.

Versículo visualizado: “... O Filho do homem veio buscar e salvar quem está perdido.” Lucas 19.10

Palavra do dia : “Amor”



Lição 05 - Não pegue o que não é seu!

Texto Bíblico Lucas 19.1-10

De professor para professor

Prezado professor, neste domingo o objetivo da lição é que a criança aprenda que não deve pegar nada que é dos outros.

• Faça uma recapitulação da aula anterior. Pergunte qual foi a palavra-chave estudada e qual o versículo aprendido.

• A palavra-chave da aula de hoje é “AMOR”. Então, durante o decorrer da aula, repita a frase: “Papai do céu ama a todos”.

Para refletir

• Neste domingo seus alunos vão ouvir a história de Zaqueu. Aprendemos com o texto bíblico que Jesus foi até a casa de Zaqueu, e aonde Jesus vai, chega com Ele a salvação. Jesus veio a este mundo para buscá-lo e salvá-lo. O seu objetivo é salvar, e não há salvação em nenhum outro, senão em Jesus Cristo. Ele busca aqueles que não o buscam, e que nem mesmo perguntam por Ele.

• Regras Práticas para os Professores

Características da Criança do Jardim de Infância

Vamos apresentar, a cada semana, algumas características da criança do Jardim. Porém é bom ressaltar que tais características não podem ser vistas como uma descrição de qualquer criança. São, na verdade generalizações — coisas que normalmente encontramos em grupos de crianças, mas não necessariamente em todas as crianças do grupo.

Características Intelectuais

O uso da linguagem oral é uma das principais características da criança do jardim. Antes, utilizava a linguagem pelo prazer de dizer as palavras. Agora, a linguagem torna-se uma ferramenta. A diversão com as palavras continua; versos, rimas e outras brincadeiras com palavras permanecem como instrumentos úteis para o ensino. A gramática começa a ser assimilada, embora as exceções às regras, não. Percebe a utilização do pretérito e pode  dizer “eu fazi”,  associado a “andei” ou “falei”. É capaz de utilizar a linguagem para fins sociais, pedindo informações, decidindo suas disputas, planejando em conjunto, inventando histórias e realizando outros propósitos. Apesar de estar muito interessada em novas palavras, com freqüência as utiliza erroneamente por não entender o seu significado.

Piaget, um cientista suíço que dedicou sua vida ao estudo da psique infantil, nos legou a maioria dos termos usados para descrever o pensamento infantil. Duas expressões das mais significativas são pré-operacional e egocentrismo. A primeira, pré-operacional, define aquilo que a criança ainda não é capaz de fazer — ela não realiza operações mentais. A segunda, egocentrismo, nos revela o modo como a criança vê o mundo — somente o seu próprio ponto de vista.

Continua na próxima semana.

Como Ensinar Crianças do Jardim de Infância. Rio de Janeiro, CPAD.

• Sugestões de Atividade

Para reforçar o ensino da lição sugerimos que você se sente com as crianças em círculo no chão da classe. Mostre os visuais da lição novamente e faça as seguintes perguntas: Como seria se Jesus viesse à nossa classe? O que você faria para ver Jesus? Ouça com atenção as crianças. Deixe que façam seus comentários sem interferência. Depois diga que Zaqueu subiu em uma árvore para ver Jesus, porque ele sabia que Jesus era muito especial. Nós não precisamos subir em árvores para ver Jesus; nós podemos falar com Ele quando oramos. Vamos orar agora e dizer a Jesus o quanto Ele é especial para nós. Dê oportunidade para que seus alunos a façam uma oração dizendo que amam Jesus.



Nenhum comentário:

Poderá também gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...