27 de fev de 2014

O semeador

Paineis - O semeador
Culto Infantil - fevereiro/2014
Tema: O Semeador   -  Mateus 13.3b

















24 de fev de 2014

Pré-Adolescentes Lição 09: Não sou rebelde.

Pré-Adolescentes
Lição 09: Não sou rebelde.
Texto bíblico: Jonas 1.1-7
Objetivos: Reafirmar que toda rebeldia ó contra Deus; Cultivar um espírito de obe­diência.
Enfoque bíblico:  "Mas  tu, Senhor, és Deus de com­paixão e de amor; és sempre paci­ente, bondoso, e fiel." (Salmos 86.15)

PALAVRA  DO DIA  é :CONTESTAÇÂO







Lição 09 - Não sou rebelde!

Texto Bíblico: Jonas 1.1-7



Professor, aproveite esta lição para conversar com os alunos acerca do chamado que o senhor Jesus lhes fez. Jesus os chamou das trevas para brilhar (Cl 1.12,13). A luz está sempre em posição de destaque, no alto (Mt 5.14).  E Deus quer que influenciemos, e não que sejamos influenciados. O mundo incentiva a rebeldia, jovens e adolescentes são chamados de rebeldes a todo instante, soando muitas das vezes como elogio. Mas os servos de Deus são chamados de luz, e ela é contagiante; ela dissipa as trevas (Jo 8.12).
 
É isso o que Deus espera dos adolescentes! Ele quer que sejam firmes, constantes e não adolescentes rebeldes. A luz só tem valor se for permanente. Imagine uma lâmpada que pisque ou oscile o tempo todo. Deus espera que os adolescentes brilhem sempre (Pv 4.18). Quanto maior a escuridão, mais brilho a luz irradia. Os adolescentes são astros nesse mundo tenebroso.
 

Como cristão eles devem demonstrar ao mundo a obediência a Deus. É importante que as pessoas perdidas vejam que eles não são rebeldes. Há uma grande diferença entre o que são de Deus e os que são do maligno, as ações são diferentes (Texto adaptado do livro Adolescentes S/A, CPAD).

Juniores Lição 09 - Jesus ensina sobre o amor ao próximo

Juniores
Lição 09 - Jesus ensina sobre o amor ao próximo
Parábola do Bom Samaritano
Leitura Bíblica: Lucas 10.25-37
Objetivo: Explicar que amar ao próximo é um mandamento ordenado pelo Senhor Jesus.

Versículo-chave: "Assim como eu os amei, amem também uns aos outros." (João 13.34b)




Lição 09 - Jesus ensina sobre o amor ao próximo

Texto Bíblico: Lucas 10.25-37


Na parábola do bom samaritano podemos observar que ele esqueceu de si mesmo para ajudar o homem ferido. Tudo ficou para trás: a viagem, os negócios, o perigo de assaltantes, só para ajudar aquele homem ferido. Jesus também fez o mesmo por nós. Ele deixou o céu e veio a terra para salvar o que estava perdido, doente e ferido. O samaritano não quis saber quem era o necessitado, sua religião, sua nação. Quando temos o amor de Deus, servimos bem a todos, sem interesse em qualquer recompensa.
 
O bom samaritano foi movido pela compaixão. Sentiu o que se passava como se fosse com ele mesmo ou um dos seus conhecidos.
 
O samaritano era estrangeiro, porém generoso, servia com dedicação a qualquer um. Pagou do seu bolso ao hospedeiro com dois denários, uma quantia razoável, equivalente ao salário de dois dias. É maravilhosa a harmonia da revelação divina aqui. Dois denários era exatamente o resgate de uma pessoa quanto ao tributo do Templo, que era meio siclo (Êx 30.12,13). Ora, o meio siclo hebreu equivale a dois denários romanos do tempo de Cristo. Portanto, o ato do samaritano está relacionado figuradamente à redenção da alma (texto extraído da revista de Pré-adolescentes 6, CPAD).

Boa ideia!
Você vai precisar de uma caixa de bombom, balas ou pirulito, cartolina vermelha, tesoura e caneta hidrográfica.
 
Procedimento:
 
1º Desenhe corações na cartolina e recorte.
 
2º Escreva o versículo do dia no coração.
 
3º Recorte aleatoriamente os corações, transformando-os em um quebra-cabeça.

Após ensinar o versículo às crianças, entregue os corações embaralhados e peça-lhes para montarem o versículo. Vence aquele que conseguir montar primeiro e falar o versículo em voz alta. Entregue o prêmio que você preparou ao vencedor. Aproveite e incentive a criança a dividir com os colegas o prêmio, demonstrando o amor ao próximo. 


Primários Lição 9 - O Filho de Deus é o Salvador

Primários
Lição 9 - O Filho de Deus é o Salvador
Texto Bíblico: Mateus 3.13-17; 4.1-11
Objetivo: Enfatizar que Jesus compreende nossas falhas, porque Ele viveu aqui na Terra como nós.
Frase do dia:  Jesus compreende minhas fraquezas
Memória em Ação: O nosso Grande Sacerdote não é como aqueles que não são capazes de compreender as nossas fraquezas. Pelo contrário, temos um Grande Sacerdote que foi tentado do mesmo modo que nós, mas não pecou. (Hebreus4.15)





Lição 09 - O filho de Deus é o Salvador

Texto Bíblico: Mateus 3.13-17; 4.1-11


O que as pessoas pensavam de João? A maioria pensava que era um herói. Alguns até achavam que poderia ser o Messias (ele foi direto sobre isto – contou-lhes que Jesus era o Messias). Até o governador Herodes, que não gostava da lista de coisas erradas feita, por João das o respeitava (Mc 6.20).
 
João Batista era um exemplo de bom rapaz. Obedecia a Deus, fazia o que era certo, contava sobre Jesus, ajudava as pessoas a mudar seu modo de ser e tinha uma atitude humilde a respeito de si próprio. Era um bom homem.
 
Professor, talvez as crianças questionem por que o Espírito Santo desceu sobre Jesus como uma pomba. Dê a seguinte explicação: Uma vez que o Espírito Santo não possui corpo, Ele tomou uma forma que as pessoas pudessem ver. A forma de pomba foi uma ótima escolha, porque sempre que as pessoas avistavam uma pomba pensavam em paz e pureza – e é exatamente isto que o Espírito Santo traz às pessoas. 
 
Depois que Jesus deixou a terra, enviou o Espírito Santo para viver aqui em seu lugar. Mas agora, em vez de tomar uma forma especial para que o vejamos, o Espírito Santo vive dentro dos cristãos. Quando uma pessoa confia em Jesus Cristo como Salvador, o Espírito Santo passa a viver dentro dela (Texto adaptado da Bíblia do Adolescente, Aplicação Pessoal. pp1160,1211. Rio de Janeiro: CPAD,2006).
 
Boa ideia 
 
Você vai precisar de tubos de papelão, cartolina branca, papel crepom branco, cola branca, tesoura, canetas hidrográficas, cartolina amarela e lástex.
Procedimento:
 
1º Na cartolina branca desenhe e recorte um par de asas. 
 
2º Entregue os tubos de papelão para as crianças, e peça para elas encaparem com o crepom branco e desenharem os olhinhos da pomba (no inicio do tubo). 
 
3°Solicite as crianças para desenharem e recortarem o bico da pomba na cartolina amarela.
 
4º Ensine as crianças a colarem as asas e o bico da pombinha no tubo. 
 
5º Com o auxílio da agulha, perfure o tubo de papelão e as asinhas para passar o lástex. 
 
Ao fazer o movimento do ioiô com o lástex, as crianças terão a sensação de que a pombinha está batendo asas.



Jardim de Infância Lição 09: Jesus e a mulher samaritana.

Jardim de Infância 
Lição 09: Jesus e a mulher samaritana.
Texto bíblico:João 4.1-42
Objeivo da Lição: Compreender que Jesus ama a todos sem diatinção de raça ou classe social.
Aprendendo a bíblia /Versículo visualizado: “...A água que eu lhe der se tornará nela uma fonte...” João4.14
Palavra do Dia: SEDE
lembrancinhas:




  • Lição 09 - Jesus e a mulher samaritana

    O que H²O pode fazer pelo seu corpo, Jesus pode fazer por seu...



    Texto Bíblico: João 1.35-51

     I - De professor para professor
    · Prezado professor, neste domingo o objetivo da lição é que a criança compreenda que Jesus ama a todos sem distinção.

    · A palavra-chave deste domingo é “Sede”. No decorrer da aula diga: “Jesus é a água da vida”.

    II – Saiba Mais
    “O que H²O pode fazer pelo seu corpo, Jesus pode fazer por seu coração. Lubrificá-lo. Umidificá-lo. Amolecer o que está ressecado, limpar o que está enferrujado. Como? Como água, Jesus vai aonde não podemos. Jogue uma pessoa contra a parede, e seu corpo bate e cai. Jogue água contra uma parede, e o líquido se adapta e se espalha. Sua composição molecular dá muita flexibilidade à água: em um momento se espalha e se infiltra em uma rachadura; em outro, se une e faz um estrondo ao cair em uma cachoeira. A água vai aonde não podemos. Assim é Jesus. Ele é espírito e, embora tenha um corpo, não está limitado por esse corpo. Jesus passa pela garganta de sua alma, limpando o medo, expelindo a tristeza. Ele faz por sua alma o que a água faz por seu corpo” (LUCADO, Max. Quem tem sede venha. 1ªed. P 25. Rio de Janeiro: CPAD, 2006).

    III – Conversando com Professor
    Envolvimento ativo, as crianças aprendem melhor fazendo – usando os cinco sentidos. Aprender requer o envolvimento ativo na lição. As envolvidas em fazer suas próprias descobertas experimentam maior retenção. A participação conduz a mudanças de atitude que, por sua vez, motivam os alunos a aplicar a Bíblia em sua vida.
    (Trecho extraído do livro: Manual do Ensino para o Educador Cristão)

    IV – Sugestão 
    Você vai precisar de papel pedra, potes plásticos (margarina, iogurte ou latinhas de extrato de tomate), cola branca, palitos de picolé, canetas hidrográficas.

    Recorte o papel pedra em pequenos retângulos, e depois peças as crianças que colem-no em volta do pote. Una três palitos de picolé (formando a letra C) e fixe no potinho (ficara parecido com um poço). Escreva o versículo do dia. Entregue as crianças e repitam a frase: “Jesus é a água da vida”. 

Maternal Lição 9. A História das sementes

Maternal 
Lição 9. A História das sementes
Texto Bíblico: Mateus 13.1-23
Objetivo • Que o coração da criança seja propicio ao recebimento do evangelho e ao desenvolvimento da salvação.
Para guardar no coração: "Mas as sementes que caíram em terra boa brotaram, cresceram...." Marcos 4.8
Palavra-chave: "Semente"
Trabalhe a palavra-chave na oficina de idéias, quando as crianças estiverem plantando o feijão no algodão úmido.




Lição 09 - A história das sementes

Texto Bíblico: Mateus 13.1-23


I - De professor para professor
 
 Prezado professor, neste domingo o objetivo da lição é que a criança aprenda a ter um coração preparado para receber a Palavra de Deus.
 
 A palavra-chave deste domingo é “Semente”. No decorrer da aula diga: “Eu semeio a Palavra de Deus”.
 
II - Saiba Mais 
 
O semeador é aquele que espalha as sementes, e apenas isso. Ele não precisa se preocupar com o preparo, o cultivo da terra ou da plantação. Depois  da semente lançada, a sua responsabilidade termina e então,o agricultor entra em ação. O lavrador que cuidará da planta é o nosso Deus (João 15.1). Jesus declarou que o homem da parábola “saiu a semear”. Ele não escolhia o lugar, simplesmente espalhava a semente. Da mesma forma é você!
 
Você é um semeador do Reino de Deus. A semente que está em suas mãos é as Boas-Novas de salvação, a Palavra de Deus. Todo cristão tem a responsabilidade de espalhar “semente”. O bom semeador do evangelho, além de ler, estuda e conhece a Palavra de Deus, a boa semente; e então a semeia.
 
III - Conversando com o professor
 
Para o professor é indispensável conhecer não somente a sua matéria, mas também seu campo de aplicação, que é o aluno. O semeador deve conhecer o terreno onde vai semear, e também como lançar a semente. O aluno é a matéria prima da Escola Dominical. O professor, se quiser ter êxito no ensino, deve estudar não só a lição, mas também o aluno. Conhecendo melhor o aluno isoladamente e no grupo, o professor planejará e aplicará o ensino adequadamente.
 
Extraído do livro: Manual da Escola Dominical, CPAD
 
IV – Sugestão
 
Você vai precisar de sementes de girassol, cola branca, desenho de girassol e giz de cera.
 
Desenhe um bonito girassol, peça as crianças para colarem as sementes na flor (centro) e explique que o girassol nasce daquelas sementes. 
 

Conteúdo adicional para as aulas de Maternal



18 de fev de 2014

Corinhos Infantis


Corinhos Infantis


01- Oba, Jesus me ama (4x)
Pode ser pequenininho, magro, gordo ou grandão
Aparência não importa o que importa é o coração!

02-  É bom, é muito bom, é muito bom ter Jesus no coração
Andar com Ele, juntinho Dele
É muito bom ter Jesus no coração

03-  Jesus ama cada um, cada um, cada um
Jesus ama cada um, Jesus ama a todos!
Ama o papai, ama a mamãe, grande irmão, pequeno irmão
Ama a mim, ama a ti
Jesus ama a todos!!!
...

17 de fev de 2014

Pré-Adolescentes - Lição 08: Amigos da fé.

Pré-Adolescentes
Lição 08: Amigos da fé.
Texto bíblico: Daniel 1. 1,3-7,17
Objetivos:  Escolher amizades agradáveis a Deus; Aprender que amigos dividem as alegrias e tristezas entre si.
Enfoque bíblico:  “Felizes  são aqueles que não se deixam  levar pelos conselhos dos maus” (Salmos 1.1a)(*)

PALAVRA  DO DIA  é :AMIGO







Lição 08 - Amigos de Fé

Texto Bíblico: Daniel 1.1,3-7,17


Professor, explique aos seus alunos que Deus pode e quer ser o melhor amigo do ser humano.
Comente sobre  a amizade que Abraão desenvolveu ao longo de sua vida,uma relação indiscutível com Deus. E, se possível nutrir esse tipo de relacionamento com Deus porque Ele é um Ser Pessoal, não uma coisa, uma força ou um fluído energético, mas é o Espírito singular e pessoal, criador do universo e de todas as criaturas existentes. Abraão nutriu essa amizade de modo objetivo, ainda que num plano espiritual. Como ser pessoal, o nosso Deus criou o homem à sua semelhança (Gn 1.26-28), e por isso, como seres pessoais, possuímos todas as características de personalidade, tais como inteligência, vontade e sentimento. Em vários textos bíblicos, Abraão é tratado como “o amigo de Deus” (2 Cr 20.7; Is 41.8; e Tg2.23).
Claro que podemos e devemos ter amigos nesta terra, mas devemos saber escolher. Existem algumas qualidades de relação pessoal dentro da amizade que são elementos essenciais à existência de uma amizade profícua e firme. Professor escreva no quadro de giz as qualidades citadas abaixo e explique aos alunos que elas são necessárias para haver uma amizade verdadeira.

1 – Confiança. Uma amizade verdadeira e baseada em uma confiança mútua.
2 - Cordialidade. A palavra cordialidade tem o sentido de afetuosidade. O seu prefixo latino cordis significa coração. Os bons amigos desenvolvem uma relação afetuosa entre si demonstrada em atitudes de ternura, de afeto.
3- Informação. Entre amigos não existem segredos que não sejam compartilhados. Os amigos compartilham suas vidas uns com os outros e não escondem qualquer novidade de que saibam.
4 - Lealdade. Ser leal implica franqueza e honestidade entre as pessoas amigas. Uma amizade é construída na franqueza e na sinceridade. Não pode haver atitudes mesquinhas e mascaradas.

Bibliografia:

CABRAL,Elienai. Abraão As experiências de nosso pai na fé. Rio de Janeiro: CPAD,2002.

Juniores - Lição 08 - Jesus ensina sobre as riquezas

Juniores
Lição 08 - Jesus ensina sobre as riquezas 
O jovem rico
Leitura Bíblica: Mateus 6.19-21; 19.16-23
Objetivo: Alertar o aluno quanto ao perigo de deixar que o amor aos bens materiais ocupe o lugar de Deus.
Versículo-chave:"(...) Ajuntem rique­zas no céu, onde as traças e a ferrugem não podem destruí-las, e os ladrões não pc: arrombar e roubá-las." (Mateus 6.20)






Lição 08 - Jesus Ensina Sobre as Riquezas

Texto Bíblico: Mateus 6.19-21; 19.16-23


Com certeza todos nós já ouvimos falar de pessoas egoístas que não abrem a mão nem para dar “até logo”. São pessoas apegadas ao dinheiro, e esse apego não agrada a Jesus. A avareza é pecado! Você precisa estar precavido, sempre alerta para que este mal não entre em sua vida. Nossa felicidade não depende dos bens que possuímos, pois os bens desse mundo não satisfazem a nossa alma. Muitos fazem planos onde só pensam em ganhar dinheiro, mas deixam Deus de fora e quando morrem percebem que não são ricos para com Deus. Podemos trabalhar, fazer planos e ganhar muito dinheiro, mas Deus deve sempre ocupar o primeiro lugar em nossa vida. Ele é a nossa herança e o nosso tesouro.
 
Não queira juntar riquezas para si, e ser pobre diante de Deus, pois estará agindo como uma pessoa sem juízo.
 
A felicidade e o consolo não dependem da riqueza deste mundo. As coisas deste mundo não satisfazem os desejos da alma. Você tem um tesouro valioso que vale mais do que o ouro e a prata: Jesus. Reparta este tesouro com os outros, fale de Jesus àqueles que não o conhecem.
 
Boa ideia!
 
Você vai precisar de papel laminado dourado, tesoura, cartolina, cola e gravuras de céu. 
 
Procedimento: Peça às crianças que confeccionem cartões evangelísticos. Eles devem ilustrar com gravuras do céu. Ajude-os a fazerem textos evangelísticos. Eles devem levar os cartões para os amigos não cristãos.

Primários - Lição 8 - O Salvador também foi criança

Primários
Lição 8 - O Salvador também foi criança
 (Jesus e sua infância)
Texto Bíblico: Lucas 2.40 - 52
Objetivo: Explicar que Jesus também foi criança mas sempre obedeceu aos seus pais e a Deus.
Frase do dia
Eu quero ser como Jesus.
Memória em Ação: Conforme crescia, Jesus ia cres­cendo também em sabedoria, e tanto Deus como as pessoas gostavam cada vez mais dele." (Lucas 2.52)





Lição 08 - O Salvador também foi criança

Texto Bíblico: Lucas 2.40-52


“Aos doze anos, foi o menino Jesus outra vez à Jerusalém. Nessa ocasião, seus pais o perderam na multidão. É provável que, na viagem de regresso, Maria estivesse pensando que Jesus estava com José e vice-versa. Descobriram, então, que Ele não estava entre os que retornavam. E, assim, decidiram voltar para Jerusalém. Passado três dias, os pais de Jesus o encontraram no templo, assentado no meio dos doutores. O que chamou a atenção dos doutores e dos que presenciaram a cena era o conhecimento e interesse de Jesus, ainda adolescente, pelas coisas de Deus. Ele não somente fazia perguntas, mas também respondia.
 
José e Maria estavam conscientes da origem divina de Jesus, bem como sua missão redentora (Lc 1.30-38). Então Maria perguntou a Jesus: ‘Filho, por que fizeste assim conosco’ (Lc 2.48). Jesus lhe respondeu com outra pergunta: ‘Por que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu pai?’ (Lc 2.49). O menino demonstrou ter plena consciência de que era, de fato, o filho de Deus e o Messias de Israel” (SOARES,Esequias. Lições Bíblicas. Jesus Cristo,Verdadeiro Homem e Verdadeiro Deus. 1º Trimestre de 2008. Rio de Janeiro: CPAD).
 
Boa Ideia!
 
Você vai precisar de papel ofício e canetas hidrográficas preta.
 
Procedimento: Entregue as folhas para as crianças e solicite que dobrem o papel, formando leque. 
 
Depois, com o auxílio da caneta hidrográfica, escreva no leque o versículo do dia (uma frase em cada dobra). Dobre-o novamente. Conforme as crianças forem “abrindo” o leque, o versículo aparecerá gradativamente, aparentando que “cresceu”.

Jardim de Infância - Lição 08: Jesus chame seus primeiros ajudantes

Jardim de Infância 
Lição 08: Jesus chama seus primeiros ajudantes
Texto bíblico: João 1.35-51
Objetivo da lição:Fazer a criança compreender que podem servir a Deus.
Aprendendo a bíblia /Versículos visualizados: 
“Vocês são meus amigos  se fazem o que eu mando.” João 15.14
A palavra do dia é:  AJUDAR





Lição 08 - Jesus chama seus primeiros ajudantes

Texto Bíblico: João 1.35-51



 I - De professor para professor
   Prezado professor, neste domingo o objetivo da lição é que a criança compreenda que ela pode servir ao Senhor Jesus.
  A palavra-chave deste domingo é “ajudar”. No decorrer da aula diga: “Eu posso ser ajudante de Jesus”.
II – Saiba Mais
A partir dos registros dos Evangelhos parece que Jesus começou logo no início de seu ministério a reunir em torno de si um grupo de discípulos, com a intenção de preparar uma representação para a continuação do trabalho do reino divino. Os dois pares de irmãos foram chamados no início do primeiro ministério galileu, no qual o primeiro ato foi a seleção de Carfanaum, ao lado do mar, como o centro das operações e o lugar comum de residência. E quando pensamos na chamada que receberam, percebemos que esta não poderia ter vindo cedo demais. Os doze deveriam ser testemunhas de Cristo no mundo após a sua partida; era o dever peculiar deles transmitir ao mundo um relato fiel das palavras e atos do Mestre, uma imagem justa do seu caráter, e um reflexo verdadeiro do seu espírito.
Texto extraído do livro: O Treinamento dos Doze. Rio de Janeiro: CPAD, 2007
III – Conversando com Professor
A vida Cristã, um ambiente de oração e fé em Deus, fará a criança compreender a Deus como Pai amoroso. A atividade dos sentidos ajudá-la-á a aprender as lições da natureza. A criança crê em tudo que lhe é dito. Deus deve ser apresentado como Papai do céu.
Texto adaptado do livro Manual da Escola Dominical, p.189. Rio de Janeiro: CPAD, 1997
IV – Sugestão
Você vai precisar de papel ofício, caneta e tesoura.
Desenhe e recorte 13 bonequinhos de mãos dadas. Escreva o nome dos discípulos em cada bonequinho. O boneco que sobrar (13º) deverá ser escrito o nome da criança. Depois entregue as crianças e repita a frase: “Eu posso ser ajudante de Jesus”.


Maternal Lição 8. Jesus leu e explicou a Bíblia

Maternal 

Lição 8. Jesus leu e explicou a Bíblia
Texto bíblico: Lucas 4:14-30
Objetivo da Lição: Que ao estudar a Bíblia, as crianças encontrem Jesus, o Filho de Deus, nela revelado.
Versículo para memorizar: "Examinais as Escrituras...são elas que de mim testificam." João 5:39.
Palavra chave: Escrituras.





Lição 08 - Jesus leu e explicou a Bíblia

Texto Bíblico: Lucas 4.14-30


I - De professor para professor
 
 Prezado professor, neste domingo o objetivo da lição é que a criança aprenda que a Bíblia fala de Jesus.
 
 A palavra-chave deste domingo é “Escrituras”. No decorrer da aula diga: “Devemos estudar as Escrituras”.
 
II - Saiba Mais 
 
Quanto mais lemos a Bíblia, mais sábios nos tornaremos. Ela orienta-nos em todos os nossos caminhos; consola-nos quando nenhum consolo humano é possível; mostra-nos a estrada do Calvário e leva-nos ao lar celestial.
 
A Bíblia dá-nos sabedoria: “Os teus mandamentos me fazem mais sábios que os meus inimigos; porque, aqueles, eu os tenho sempre comigo” (Sl 119.98). 
 
Somos constrangidos a concordar com Chales H. Spurgeon; a Bíblia, temo-la continuamente à cabeceira; quanto mais a lemos, mais a amamos. Somente ela pode dar-nos a necessária sabedoria num mundo confuso e que marcha, loucamente, para a destruição.
 
Texto extraído do livro: As Disciplinas da Vida Cristã, Rio de Janeiro: CPAD
 
III - Conversando com o professor
 
A Lei do efeito: O aluno aprende mais facilmente o que lhe causa prazer e satisfação. Um aluno insatisfeito agirá contrariado. O aluno não somente aprende, mas repete aquilo que causa prazer. Quando o efeito de uma coisa é agradável, a pessoa quer repetir a experiência, mas quando é ao contrário, ninguém quer repeti-la. Portanto, aprende-se mais facilmente o que é agradável, e dificilmente o que é agradável.
 
Texto Extraído do livro: Manual da Escola Dominical, Rio de Janeiro, CPAD 1997




12 de fev de 2014

Maternal - Lição 7. A arma secreta de Jesus.

Maternal 
Lição 7. A arma secreta de Jesus.
Texto bíblico: Mateus 4:1-11.
Objetivo: Que a criança guarde a Palavra de Deus no coração, não apenas sabendo recitá-lo de cor, mas praticando-a e obedecendo-a. 
Versículo para Memorizar: "Guardo a tua Palavra no meu coração para não pecar" Salmos 119:11
Palavra chave: Espada.













Lição 07 - A Arma Secreta de Jesus

Texto Bíblico: Mateus 4.1-11



I - De professor para professor   

- Prezado professor, neste domingo o objetivo da lição é que a criança guarde a Palavra de Deus no coração.  

- A palavra-chave deste domingo é “Espada”. No decorrer da aula diga: “A Palavra de Deus é a Espada do Espírito”.

II - Saiba Mais   

A nossa primeira atitude em relação à Bíblia é amá-la como a inspirada Palavra de Deus. Declarar como o salmista todo o nosso amor às Escrituras: ”Oh quanto amo a tua lei; é a minha meditação em  todo o dia” (Sl 119.97).

Se realmente amamos a Palavra de Deus, ser-nos-à insuportável ficar um dia sem que a estudemos; sua leitura é essencial à vida moral e à espiritual. Aliás, declarou Moisés aos israelitas que nem só de pão vive o homem, mas de toda a palavra suscitada da boca de Deus.

Por que a Bíblia é-nos tão imprescindível? Como todos ansiamos ouvir a voz de Deus, voltamos ao seu Livro, pois neste, acha-se Ele a consolar, de seu alto e sublime trono, aos quebrantados de corações  

(Texto extraído do livro, As Disciplinas da Vida Cristã, Rio de Janeiro: CPAD).  

III - Conversando com o professor  

Um dos maiores problemas do ensino nas escolas dominicais, atualmente, independentes de faixa etária, é a inadequação dos métodos de ensino. Os métodos (quando são usados) são escolhidos sem objetivar o aluno e sua transformação de vida.

O professor deve ser criterioso ao escolher o método que irá usar em sua classe. Cada situação especifica requer um método apropriado. Devem ser avaliadas todas as vantagens e desvantagens de aplicá-lo (Texto extraído do livro Abordagens e Práticas da Pedagogia Cristã, CPAD).

IV- Sugestão 

Você vai precisar de cartolina vermelha, caneta hidrográfica preta, tesoura, cola branca e desenho de Bíblia.  

Desenhe e recorte na cartolina corações conforme o modelo  anexo.                    

Na frente escreva: “Com ela guardada em meu coração eu venço o inimigo”. Na parte interna (segundo coração, desenhe uma Bíblia. Entregue um para cada criança. 

Jardim de Infância - Lição 07: Jesus é batizado.

Jardim de Infância  
Lição 07: Jesus é batizado. 
Texto Bíblico Marcos 1.4-11
Objetivo: Reconhecer que obedecer a Deus é a melhor Atitude.
Aprendendo a bíblia /Versículo visualizado ”Arrependam-se dos seus pecados e sejam batizados.” Marcos 1.4
A palavra é: BATIZAR




Subsídios CPAD Fonte: http://www.cpad.com.br/escoladominical/

Lição 07 - Jesus é batizado

Texto Bíblico: Marcos 1.4-11



 I - De professor para professor  

- Prezado professor, neste domingo o objetivo da lição é que a criança compreenda que obedecer a Jesus é a melhor atitude.

- A palavra-chave deste domingo é “Batizar”. No decorrer da aula diga: “Jesus foi batizado”.

II – Saiba Mais 

No Antigo Testamento, muitos eram os rituais estabelecidos por Deus e observados por seus servos fiéis. Sabemos, no entanto, que todos aqueles ritos tinham a função de apontar para o que Cristo haveria de fazer pela humanidade: oferecer-se a si mesmo em sacrifício por nós. Ao morrer em nosso lugar, e ressuscitar ao terceiro dia, o Senhor Jesus aboliu todos aqueles rituais. Uma vez que o sacrifício perfeito – Cristo – fora oferecido, aqueles perderam a razão de ser. Entretanto, dois cerimoniais foram ordenados por Jesus à igreja, como símbolos daquilo que Ele efetuou por nós e de nosso relacionamento com Ele: o batismo em águas e a Santa Ceia.

O batismo nas águas é o cerimonial do ingresso no Corpo de Cristo, e simboliza o início da caminhada espiritual.

Pouco antes de subir ao céu, o Senhor entregou aos discípulos a Grande Comissão: evangelizar os povos, batizando-os, em nome do Pai, Filho e do Espírito Santo (Mt 28.19).

O batismo é como se fosse uma representação, através do qual a pessoa confessa publicamente que creu em Jesus e foi salva por Ele. O ato da pessoa sendo mergulhada na água significa que a sua velha natureza pecaminosa morreu juntamente com Cristo, e foi sepultada com Ele. Ao ser levantada da água, representa que uma nova pessoa ressuscitou juntamente com Cristo, para viver uma vida (Rm 6.3-6)

Texto extraído do livro: Manual de Integração do Novo Convertido, Rio de Janeiro:CPAD, pp168, 168  

III – Conversando com o Professor  

Um dos intuitos da Escola Dominical é o de fazer seus alunos, homens e mulheres, verdadeiros cristãos, cujas vidas se assemelhem em palavras e obras ao ideal apresentado em Jesus Cristo, conforme lemos em Romanos 8.20. Vê-se, portanto, que a tarefa do professor de Escola Dominical é da máxima importância e do maior alcance, precisando não somente de conhecimentos da matéria, e da arte de ensinar, mas também de influenciar e orientar o pensamento do aluno, resultando em contínua moldagem do caráter cristão ideal, no sentido moral e espiritual.

Texto extraído do livro: Manual da Escola Dominical, p.120. Rio de Janeiro: CPAD,1997 

Primários - Lição 7 - Presentes para o Salvador

Primários
Lição 7 - Presentes para o Salvador
Texto Bíblico: Mateus 2.1-23
Objetivo: Explicar que o melhor presente que podemos oferecer a Jesus é a nossa própria vida.
Frase do dia:  Eu ofereço minha vida a Jesus.
Memória em Ação: Que posso eu oferecer a Deus, o Senhor, por tudo de bom que ele
me tem dado?" (Salmos 116.12)





Lição 07 - Presentes para o Salvador

Texto Bíblico: Mateus 2.1-23



Sabemos pouco sobre os “três magos” que foram ver o bebê Jesus. Na verdade o pouco que sabemos vem da lenda, não das Escrituras. A despeito do que você pode ter ouvido, não sabemos seus nomes. Ainda que digamos que eram três, a Bíblia nunca diz quantos eram somente que eles deram três presentes. Eles foram ver Jesus algum tempo depois de nascido. Eles avistaram uma estrela no Oriente, a seguiram, pois sabiam que ela anunciava o nascimento do Messias.  Os presentes dos Magos eram ouro, incenso e mirra. A providência divina os mandou como socorro oportuno para José e Maria, em sua atual condição de pobreza. Assim nosso Pai celestial, que sabe de que necessitam seus filhos, usa alguns como mordomos para suprir a necessidade dos demais e dar-lhes o provimento desde os confins da terra.

Bibliografia:

HENRY,Matthew. Comentário Bíblico. Rio de Janeiro:CPAD,2002.

KENDRICK,Michael. 365 Lições de Vida Extraídas de Personagens da Bíblia. Rio de Janeiro: CPAD, 1999.  

Boa ideia

Você vai precisar de caixas de papelão, papel de presente, fitas colorida, tesouros e fita adesiva.

Peça às crianças para, escreverem nome de Jesus e enfeitá-lo com purpurina ou cola colorida.

Depois elas devem colocar o “nome de Jesus” dentro da caixa e encapar com o papel de presente e as fitas coloridas.

Elas devem escolher um amigo não crente e entregar a caixa. Depois eles devem explicar que o que tem dentro da caixa é o melhor presente que Deus poderia ter nos dado. 

Poderá também gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...