28 de ago de 2014

Jardim de infância Lição 9:Palavra de Deus Semente Preciosa!

Jardim de infância
Lição 9:Palavra de Deus Semente Preciosa!
Texto Bíblico: Mateus 13:1-23
Objetivos: Que ao estudar a Bíblia o coração da criança torne-se propício ao recebimento do evangelho e ao desenvolvimento da salvação.
Versículo Visualizado: “ Mas as sementes que caíram em terra boa brotaram, cresceram...” Marcos 4.8
Palavra do dia: SEMENTE
Lembrancinhas: imprima esses cartões e cole no copinho onde as crianças vão plantar as sementinhas de feijão.
Dê a cada Criança um chumaço de algodão, e alguns grão de feijão. Ensine-as a plantar as sementes: É só espalhar os grãos sobre o algodão molhado. Dentro de poucos dias o feijão brotará. No final da aula entregue as crianças os copos com o feijão plantado, e repita as instruções da rega.(apenas pingar água no algodão quando estiver secando, sem encharcar).

Lição 09 - Palavra de Deus, sempre preciosa
Texto Bíblico: Mateus 4.14-30

I - De professor para professor

Prezado professor, neste domingo o objetivo da lição é que as crianças recebam a mensagem da salvação com um coração aberto.

• Faça uma recapitulação da aula anterior. Pergunte qual foi a palavra-chave estudada e qual o versículo aprendido.

• A palavra-chave da aula de hoje é “SEMENTE”. Então, durante o decorrer da aula, repita a frase: “A Palavra de Deus também é chamada de SEMENTE”. 

II - Para refletir

• Jesus se utilizava de muitas parábolas (13.34), quando falava às multidões. O que caracteriza essas narrativas são as comparações entre coisas familiares e coisas desconhecidas, a fim de nos ajudar a compreender algo superior, verdades espirituais, por meio de realidades e relacionamentos cotidianos.
As parábolas de Jesus levam os ouvintes a descobrir a verdade e, ao mesmo tempo, escondem-na daqueles que são demasiadamente preguiçosos ou obstinados para enxergá-la. Aos que, sinceramente, estão à procura de Deus, a verdade se torna completamente inteligível. Mas devemos ter cuidado para não interpretar mal as parábolas, atribuindo-lhes um sentido inadequado. Cada parábola tem o seu significado, a não ser que o próprio Senhor Jesus Cristo tenha especificado algum outro para cada uma delas.

Extraído da: Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal,  CPAD

• Professor, “procure durante a semana, estudar as formas de despertar o interesse da turma para a história que será estudada. Isso pode ser feito através de perguntas, de um cartaz, ou de dinâmicas de grupo inseridas no corpo da lição”

Extraído da Revista Primários/Mestre 5, CPAD

Regras Práticas para os Professores

“ATRAINDO OS ALUNOS"

‘A luz dos olhos alegra o coração.’ (Provérbios 15.30)

Lena Caldwell ficou diante da classe. "Pessoal, sei que alguns de vocês nunca gostaram de matemática, mas estou aqui para dizer-lhes que estes dias chegaram ao fim. Eu adoro matemática. Além disso, eu garanto que vocês também vão adorar". O seu sorriso encontrou olhares que diziam que ela era mentalmente instável, mas ela continuou. "Vocês estão pensando que estou louca, mas esperem. Quem gosta de jogar?" Mãos se ergueram pela sala. Então Lena ensinou-lhes um jogo - sobre matemática, sem que seus alunos soubessem - e eles se divertiram muito. Mãos se ergueram novamente quando ela perguntou quem tinha gostado do jogo. "Vocês sabem de uma coisa? Vocês acabam de aprender fatoração".
O entusiasmo é contagioso, e não deve ser falso. Quando você é apaixonado pelo seu tema, quando os alunos vêem que você acha isso interessante e importante, você os atrai. Não é necessário "vender" nada, somente transmitir o seu fervor, o seu zelo. Se essas coisas parecem faltar, comece com um sorriso. Esta simples ferramenta faz maravilhas. E quando você encontrar o humor no seu tema, e nas situações cotidianas, magne­tizará o interesse dos seus alunos como ninguém mais poderá fazer.
Como cristão, a sua paixão pela vida deve ser eviden­te em tudo o que você faz e diz. Afinal, você pertence ao Senhor do universo, e Ele tem planos pessoais e maravilhosos para a sua vida. Aquele Deus que criou os girassóis e as estrelas lhe ama como se você fosse seu próprio filho. É perfeitamente aceitável ficar entusiasma­do com isso!
Ensinar significa compartilhar a criação gloriosa de Deus, a história do pó da terra que Ele transformou em homens. Quando você sentir esse poder na sua vida diária, por meio da oração, da Palavra de Deus, do seu Espírito, os outros irão perceber alguma coisa diferente em você. Eles até mesmo poderão perguntar o que é.”

Extraído de: Graça Diária para Professores, CPAD. p.115

• Atividade

A lição de hoje possibilita usar vários recursos. Divida a turma em quatro “canteiros”, onde a “semente será lançada”, a fim de que os alunos possam dramatizar a história. Escolha um aluno para ser o “pássaro que rouba a semente”; o grupo da segunda semente deve confeccionar algumas pedras de papel amassado para jogar em cima semente; o terceiro deve fazer um galho cheio de espinhos; e o último deve fazer flores para colocarem no seu “terreno”.
Você pode utilizar esta dramatização como atividade de fixação.


Nenhum comentário:

Poderá também gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...